Mídias Sociais

Autoconhecimento

Quando perguntamos a qualquer pessoa o que ela mais quer na vida, normalmente a resposta é: Eu quero ser feliz! Se todas as pessoas afirmam, categoricamente que querem ser felizes, por qual motivo, na maioria das vezes, elas não conseguem esta felicidade?
  • Autoconhecimento
    Nossas Cascas !

    Após mais uma roda de cura maravilhosa e com o coração em festa, quero deixar registrado todas as bênçãos que tenho recebido desde que conheci o caminho vermelho, ou seja o caminho do coração.

    Com ajuda de algumas literaturas, certo dia me peguei a pensar, QUEM SOU EU? Varias respostas conhecidas e prontas vieram a minha mente, sou pai, avô, administrador, xamã, etc…

    Foi quando me dei conta que este não sou EU e sim papéis que represento nesta vida, a grande surpresa foi que dou muito mais atenção, ou total atenção a esses papéis e não ao que verdadeiramente sou UM SER DIVINO.

    Posso usar vários argumentos para tentar justificar, já conheço esses papéis, zona de conforto, comodidade, são tantos, mas justificar pra que e pra quem se quero descobrir em mim este SER DE LUZ, ou o EU REAL.

    Sei que a chave desta resposta está em meu coração, pois sob essas cascas encontrarei o meu verdadeiro EU, o caminho é através da meditação, recolhimento absoluto, deixando de lado todo e qualquer propósito, desejo ou controle, pois a vida nos condiciona a isto.

    Para me dar forças neste intento, lembrei-me de dois grandes mestres que apesar de todo preparo espiritual se isolaram da sociedade [...]

  • Autoconhecimento
    O Que de Fato Preciso Curar em Mim?

    Trabalho com cura há muito tempo e nos últimos 23 anos, mais intensamente. Aprendo a cada dia que todos nós temos no mínimo alguma coisa a curar e algumas pessoas, digo com toda a certeza a maioria de nós, temos muitas curas a realizar em nossas vidas.

    Que curas são essas? Quais as doenças que todos nós temos? Estaríamos falando das doenças físicas congênitas ou das adquiridas? Estaríamos falando de nossas dificuldades de estarmos em nosso equilíbrio emocional e espiritual, por isso tomamos uma série de atitudes danosas à vida, ao próximo e principalmente a mim? Qual de fato a doença que preciso curar em mim?

    Informações veiculadas pela espiritualidade informam que a grande transição que ora está em curso, vem possibilitando que o ser humano, que viveu alguns milhares de anos uma vida horizontal, portanto na mente exterior, que é ficar fora de si, tem agora que aprender a contatar a mente interior, que fica no nosso coração, pois estamos nos reintegrando à nossa Mônada e por isso nossas várias partes tem que estar integradas e por este motivos, iremos passar a viver uma vida vertical. Em outras palavras, estávamos deitados nos últimos 12 mil anos, e agora chegou o momento [...]

  • Autoconhecimento
    E Por Falar Em Amor…

    Agora chove em São Paulo. Acordei cerca de uma hora atrás e ao me perceber ainda vivo a frase: …”e por falar em amor”… estava pronta em minha cabeça. Dei umas roladas na cama, tentando dormir mais um pouco, mas nada adiantou. A frase estava lá na minha cabeça e aceitei que havia mais um texto pronto, precisava apenas digitá-lo.

    Ontem à noite fui dormir por volta das 4 horas, pois um dos meus “maravilhosos arquivos” veio à tona; sabe, daqueles arquivos teimoso, tinhoso, meio mal educado, tipo mala sem alça, aquele do popular carente, do tipo ninguém me ama… Tenho plena certeza que você que me escuta ou me lê nunca entrou em contato com algo assim em seu interior, não é verdade?

    Há algum tempo respondendo a um rapaz de uma cidade do interior, que me escreveu sobre um problema seu de desamor, que se manifestou quando entrou em crise com sua noiva, ao descobrir que ela não era mais virgem, mas o problema gerado, não foi porque ela não era mais virgem, mas por ela ter mentido quanto ao fato em si, que o deixou inseguro, frustrado e entrou na sintonia do desamor. “ Se ela me mentiu sobre [...]

  • Autoconhecimento
    Alegria e Tristeza !

    Eu tinha que preparar um texto para o programa de rádio, e não me vinha nada à cabeça. Então, na madrugada de domingo, enquanto meditava e dava minha pitada diária, me veio á cabeça: Por que você não fala sobre Alegria?

    Achei boa a idéia, a registrei, concordei continuei minha meditação e logo veio uma questão: O que falar sobre a Alegria?

    Não consegui naquele momento ter mais nenhuma idéia e como eu faço sempre que isso ocorre digo a mim mesmo: No momento exato a idéia vem.

    Fui dormir, sonhei bastante, o cachorro da vizinha latiu à noite, etc, e como faço sempre que tenho que fazer o texto para o programa, no domingo entre 13,00 e 16,00 horas, me coloco defronte ao micro para prepará-lo e agora que estou nesta faixa de horário, ainda estou aqui pensando o que falar sobre a Alegria.

    Expressar e manifestar contentamento e júbilo, é uma dos inúmeros significados que a palavra Alegria aponta, mas sei pela minha experiência de vida pessoal e profissional que ela também é uma das mais importantes manifestações de nossa alma.

    Como tenho largamente comentado em outros textos, a Psicologia Transpessoal tem a convicção que a nossa alma se manifesta através do nosso 5º. Corpo, [...]

  • Autoconhecimento
    Página em Branco !

    Todos nós somos atores no palco da vida. Vivemos inúmeros papéis no decorrer da história da humanidade e por isso o teatro, antes das mídias modernas, desempenhou desde o antigo Egito, cerca de 2.500 AC, um importante papel onde retratava nossas relações com os deuses, com a natureza e com o próprio homem.

    Mas a palavra teatro e o conceito de teatro, como algo independente da religião, só surgiu na Grécia de Pisístrato (560-510a.C.), que era um tirano ateniense onde a tragédia foi colocada como foco da vida humana e passou a ser contada em espaços públicos gratuitamente, mas com normas de frequência estabelecidas pelas autortidades públicas.

    Esta emitação da vida humana, sua relação com o divino e a natureza tinha a finalidade de provocar aquilo que na época se chamava catarse e que o filósofo Aristóteles designava como a “purificação” sentida pelos espectadores durante e após uma representação dramática.

    Quando o Dr. Freud começou a desenvolver o primeiro conhecimento psicológico ao qual ele veio dar o nome de Psicanálise, ele não tinha nenhuma referência para se basear a não ser a sua intuição e grande parte de sua obra, foi alicerçada em conhecimentos praticados pelos filósofos da Grécia antiga, por ser a [...]

  • Autoconhecimento
    MINHA MISSÃO !

    Se analisarmos a vida humana no planeta terra, facilmente chegaremos à conclusão, que o ser humano não se reconhece.

    Viver o seu papel uno, viver sua unicidade, reconhecer sua divindade, tem sido para cada um de nós, pelo menos nestes últimos 12 mil anos, uma grande dificuldade.

    Mestres, pensadores, religiosos, etc, têm insistentemente nos falado de nosso lado divino. A bíblia nos confirma que “fomos feitos à imagem e semelhança de Deus”, mas onde está esta divindade que tanto procuramos e não encontramos?

    As religiões Hindus ou Tibetanas, mostram-nos com exemplos práticos, poderes extraordinários que homens e mulheres conseguem atingir, com relação a lidar com dores, ao se deixarem imolar ou ser enfiada uma agulha em seus corpos, ou mesmo, de deitar e dormir em camas de pregos, sem nenhuma sensação de dor ou reclamação.

    Estas mesmas religiões, através dos seus mestres Yoguis ou monges, provocam em nós do ocidente, verdadeiro encantamento, através dos seus poderes psíquicos, ao dominarem determinadas forças da natureza, provocando fenômenos de levitação, materialização, desmaterialização e tantos outros.

    Na religião Judaica, o próprio Moisés, promoveu diante ao Faraó e depois junto ao seu povo, “verdadeiros milagres”, visando apenas confirmar a existência do Deus-único, e mais poderoso do que qualquer outro Deus [...]

  • Autoconhecimento
    O CELULAR E VOCÊ! COMO É ESTA RELAÇÃO?

    O mundo se moderniza a cada momento e muitas tecnologias novas têm sido trazidas ao uso da sociedade, mas será que todas são boas? Será que todas são para nosso bem? Será que o ser humano tem amadurecimento para olhar o que lhe cerca, sem ser envolvido pelo poder de persuasão da mídia que te enfia pela guela abaixo um novo produto, que lhe criou uma nova necessidade, antes inexistente, e consequentemente uma nova dependência e se você não o usa, pode vir a se sentir como um ser alienígena?

    Confesso que eu que sei da minha vida fora deste planeta e que tenho a convicção de onde vim para viver a experiência humana, mas transvestido num corpo humano e terráqueo, eu muitas vezes quase me sinto um alienígena, por não compactuar com certos modismos criados apenas para que se venda e se ganhe dinheiro, sem um conhecimento mais profundo do bem e do mal que aquilo representa e ao não usar celular e resistir até hoje em ter um, sou visto assim por muitas pessoas que não fazem a leitura do que movimenta este fato.

    Reconheço que um telefone celular tem muitas utilidades, eu mesmo numa madrugada, em uma estrada, com [...]

  • Autoconhecimento
    Caminhante Atento !

    As teorias que falam de nossa evolução são muitas. Algumas chegam a afirmar que estamos um pouco mais de 4 bilhões de anos ligados à órbita planetária, em Dimensões superiores e um dia resolvemos vir aqui e vivenciar pessoalmente a experiência da 3ª.Dimensão.

    Há outras teorias também interessantes, mas eu não vou aqui comentá-las, pois minha sensação interior me diz que a teoria colocada acima é a que mais encontra eco em meu coração e à partir dela quero desenvolver o raciocínio deste texto.

    Tenho a plena convicção da divindade humana, senão teria que invalidar todos estes mais de 40 anos que vivo minha espiritualidade, engajado num trabalho de autoconhecimento e de ajuda na melhoria contínua da qualidade de vida de todos aqueles que convivem comigo e principalmente a minha própria.

    Após a faculdade de Psicologia continuei os estudos fazendo cerca de 9 especializações e estas certamente me ajudaram muito em formar um conhecimento técnico que me desse a segurança profissional e pessoal para executar o trabalho que executo nestes últimos 20 anos e cada curso, cada formação, cada informação, mais reforça em mim a convicção de que somos seres divinos.

    Uma das coisas que mais fortalecem esta convicção é a parceria que a [...]

  • Autoconhecimento
    Eu e o Espelho

    “Se você quer transformar o mundo, mexa primeiro em seu interior”. Dalai Lama

    A imagem pessoal de cada um, é um fator importante ao nosso desenvolvimento emocional e espiritual, e através desta auto-imagem que vamos construindo determinadas realidades de nosso livre arbítrio, nem sempre sendo realidades felizes, mas todas elas fazem parte do rol das experiências humanas.

    Esta auto-imagem quando começou a ser entendida, creio que a partir do referencial que o outro me dava da aceitação ou não de nossa presença e aparência, deve ter provocado a necessidade de cada pessoa tentar entender o que o outro via em mim que eu não estava vendo, e sabe-se que as águas paradas e límpidas, em dias claros, eram usadas como os primeiros espelhos que se têm notícias, para que pudéssemos captar a imagem daquilo que o outro via em mim e eu não. Assim vamos aqui relatar a possibilidade de nos defrontarmos com três tipos de espelhos em nossas vidas.

    A História nos conta que possivelmente o primeiro espelho surgiu cerca de 3.000 A.C. numa região onde hoje se situa o Irã onde eles retratavam apenas e de forma rudimentar as silhuetas das pessoas e no século XIII em Veneza começaram a se [...]

  • Autoconhecimento
    Meu Filho, Você Não Merece Nada!

    Por ELIANE BRUM

    Ao conviver com os bem mais jovens, com aqueles que se tornaram adultos há pouco e com aqueles que estão tateando para virar gente grande, percebo que estamos diante da geração mais preparada – e, ao mesmo tempo, da mais despreparada. Preparada do ponto de vista das habilidades, despreparada porque não sabe lidar com frustrações. Preparada porque é capaz de usar as ferramentas da tecnologia, despreparada porque despreza o esforço. Preparada porque conhece o mundo em viagens protegidas, despreparada porque desconhece a fragilidade da matéria da vida. E por tudo isso sofre, sofre muito, porque foi ensinada a acreditar que nasceu com o patrimônio da felicidade. E não foi ensinada a criar a partir da dor.

    Há uma geração de classe média que estudou em bons colégios, é fluente em outras línguas, viajou para o exterior e teve acesso à cultura e à tecnologia. Uma geração que teve muito mais do que seus pais. Ao mesmo tempo, cresceu com a ilusão de que a vida é fácil. Ou que já nascem prontos – bastaria apenas que o mundo reconhecesse a sua genialidade.

    Tenho me deparado com jovens que esperam ter no mercado de trabalho uma continuação de suas casas – [...]

  • Autoconhecimento
    A Depressão!

    Há uma dor emocional de grande significado na experiência humana, que quando é ativada, provoca em seu portador, uma péssima qualidade de vida e normalmente muito sofrimento e ela é chamada DEPRESSÃO.

    Quando a Depressão se manifesta, ela paralisa o viver da uma pessoa, levando-a a estados de profunda dor, tristeza, desalento e com quase nenhuma capacidade de reação a este estado de morbidez que o indivíduo se arremete.

    A Depressão, de um modo geral, resulta numa inibição global da pessoa, afeta a parte psíquica, as funções mais nobres da mente humana, como a memória, o raciocínio, a criatividade, a vontade, o amor e o sexo, e também a parte física. Enfim, tudo parece ser difícil, problemático e cansativo para o deprimido.

    A pessoa deprimida não tem ânimo para os prazeres e para quase nada na vida, de pouco adiantam os conselhos para que passeiem, para que encontrem pessoas diferentes, para que freqüentem grupos religiosos ou pratiquem qualquer atividade diferenciada que normalmente pode nos dar algum tipo de prazer. Não há este encontro na pessoa depressiva.

    Os sentimentos depressivos vêm do interior da pessoa e não de fora dela e é por isso que as coisas do mundo, as quais normalmente são agradáveis para [...]

  • Autoconhecimento
    A Indenização Feminina!
    Como homem e psicólogo clínico, vivo bem de perto e diariamente, o complexo processo emocional da mulher e uma grande maioria delas chegam a afirmar: …”Como é difícil entender uma mulher”.   Eu tive uma idéia alguns anos atrás de escrever um livro para homens, o “Só Para Homens”, e só depois de tê-lo publicado que cheguei á conclusão que tinha escrito o livro para o gênero errado. O livro deveria ter sido Só Para Mulheres.   Não há como se escrever sobre desenvolvimento humano e emocional, sem passar pelo papel mais difícil que um ser humano pode ter que é o papel de Mãe.   A mulher/mãe/matriz, detém em sua ”fôrma” um complexo e profundo mecanismo emocional, que é só dela, mulher e que o homem tem grandes dificuldades de entender, por ser seu universo emocional mais restrito, e por isso muitas relações afetivas se tornam distanciadas e a própria mulher, que sente visceralmente estas emoções, também não consegue entender o que, o porquê e o como é esta realidade emocional.   Devido esta complexa aparelhagem emocional, é comum vermos diariamente uma quantidade enorme de mulheres sofrendo afetivamente, ou porque a relação vai mal ou porque a relação terminou. Em ambos os casos, choro, desespero, inconformação e [...]