/ Psicologia

Nossas Cascas !

 
Após mais uma roda de cura maravilhosa e com o coração em festa, quero deixar registrado todas as bênçãos que tenho recebido desde que conheci o caminho vermelho, ou seja o caminho do coração.
 
Com ajuda de algumas literaturas, certo dia me peguei a pensar, QUEM SOU EU?
Varias respostas conhecidas e prontas vieram a minha mente, sou pai, avô, administrador, xamã, etc...
 
Foi quando me dei conta que este não sou EU e sim papéis que represento nesta vida, a grande surpresa foi que dou muito mais atenção, ou total atenção a esses papéis e não ao que verdadeiramente sou UM SER DIVINO.
 
Posso usar vários argumentos para tentar justificar, já conheço esses papéis, zona de conforto, comodidade, são tantos, mas justificar pra que e pra quem se quero descobrir em mim este SER DE LUZ, ou o EU REAL.
 
Sei que a chave desta resposta está em meu coração, pois sob essas cascas encontrarei o meu verdadeiro EU, o caminho é através da meditação, recolhimento absoluto, deixando de lado todo e qualquer propósito, desejo ou controle, pois a vida nos condiciona a isto.
 
Para me dar forças neste intento, lembrei-me de dois grandes mestres que apesar de todo preparo espiritual se isolaram da sociedade por algum período, JESUS 40 dias e 40 noites no deserto, BUDA (Siddharta Gautama) sete semanas sentado ao pé de uma figueira em meditação, ambos depois disso encontraram o DEUS que também habita nossos corações, nesse momento compreenderam que eram DEUS.
 
Portanto não vamos deixar que a culpa paralisadora prejudique ainda mais esse nosso encontro com DEUS QUE SOMOS, se você como eu busca respostas sobre os problemas que lhe aflige, qual sua missão de vida, que caminho seguir, dedique um tempo pra você .
 
A mim, a todos nós cabe apenas dar o primeiro passo na certeza que com essa atitude nosso DEUS INTERIOR resplandecerá, com todo seu AMOR e com toda sua LUZ.
Ah! Só um lembrete, no tempo DELE e não no nosso.
 
Gratidão
Sílvio César Figueiredo